EMD Cast #154: Season Review Spring (Outono no Brasil) 2014 [Parte 1]

Season 3

E eis que trazemos mais uma Season Review, desta vez de um jeito um pouco diferente, em dois podcast, onde trataremos de todos os animes que vimos em ordem alfabética. São 16 animes na primeira parte e mais 12 na segunda, que será lançada domingo ou segunda(dia 18 ou 19 de maio). Se eles são bons, ruins, câncer ou esperança, escute para saber.

Thomás, Gutinho, Piana e Crive se indignam com os japonêses. Baby Steps é o anime mais ou meeeeeenos da temporada? Porque raios a menina de Blade and Soul cortou o cabelo? Alguém entendeu Captain Earth? O anime de HQ! é melhor que o manga? Porque Jojo’s ´é tão irado? Confira tudo isso e muito mais nessa primeira parte da Spring Season Review.

Segue as sinopses para orientar os ouvintes.

Para fazer o DOWNLOAD: 4shared

EMD Cast #154_ Season Review Spring.mp3

(para baixar, clique com o botão direito do mouse e escolha a opção “salvar link como”)

Duração: 88 min

 

Agradecimento especial ao pessoal do Gekkou Gear, que disponibilizou as sinopses para o EMD. Não deixem de acompanhar o guia das temporadas pelo GG, que é um dos mais completos que vemos na internet, e os comentários semanais deles.

Abarenbou Rikishi!! Matsutarou

Abarenbou_Rikishi_Matsutarou

Sinopse: Matsutarou Sakaguchi é um homem com força muito além das pessoas comuns. Ele nunca proferiu palavras como “trabalhar duro”, “esforçar-se”, e “sonho”, como o típico protagonista de mangá shounen. Sua maior fraqueza é a sua própria personalidade despreocupada. Assim, acompanharemos  ele crescer em um lutador de sumô de pleno direito.

 

Akuma no Riddle

anime-Akuma-no-Riddle

Sinopse: Ichinose Haru é transferida para a “Turma Negra” – que é uma turma especial – na Academia Myoujou. Na turma dela tem 13 alunos contando com ela. Todos os alunos são assassinos e tem ela como alvo. Entre esses alunos está Azuma Tokaku, que inicialmente estava certa em matar Hare, mas acaba começando a gostar dela e decide protegê-la dos outros 11 alunos. Que as aulas extremas comecem!

Nível de Câncer: 80%

Atelier Escha & Logy: Alchemists of the Dusk Sky

atelier

Sinopse: Este mundo passou por muitos Dusks (Sombreados/Crepúsculos) e está se aproximando lentamente de seu fim. Dentro deste mundo, nos confins ocidentais da “Terra do Crepúsculo”, houve uma nação que prosperou graças ao uso da alquimia. Lá, a fim de sobreviver à eventual chegada do “Crepúsculo Final”, o povo dedicou seus esforços para redescobrir e recriar tecnologias da perdida alquimia. A tecnologia redescoberta da época passada foi recolhida na cidade de investigação da alquimia conhecida como “Central”, onde a pesquisa foi conduzida em como deter o avanço do crepúsculo. Um dos protagonistas é um jovem que pesquisou alquimia na Central, o outro é uma garota que vive em uma pequena cidade na fronteira. O nome desta menina é Escha. No processo de usar seu conhecimento da antiga alquimia para ajudar os outros, ela foi designada para o Departamento de Desenvolvimento. O nome do jovem é Logy. Tendo aprendido as mais recentes técnicas alquímicas na Central, ele solicitou uma transferência para esta cidade pouco pessoal para fazer uso de suas habilidades e acaba conhecendo Escha, quando ele é designado também para o Departamento de Desenvolvimento. Os dois fazem uma promessa de usar a sua alquimia juntos e trazer sucesso para o Departamento de Desenvolvimento.

 

Baby Steps

baby steps

Sinopse: Maruo Eiichirou (E-chan) é um garoto exemplar que só tira nota alta em seu colégio. Um dia, infeliz com a forma de não conseguir se exercitar propriamente, ele pega um panfleto entregue por sua mãe e vai fazer uma visita para um clube de tênis. E-chan rapidamente entra de cabeça no tênis. Acompanhe E-chan e como ele usa sua inteligência no esporte, sua força de vontade e trabalho duro nessa jornada.

 

Black Bullet

Black-Bullet

Sinopse: No futuro próximo a humanidade foi derrotada pelos parasitas virais chamados “Gastrea”. Eles foram exilados em um território pequeno, vivendo ao lado do desespero e do terror, neste mundo preso à escuridão. Rentaro, um rapaz que vivia perto de Tóquio e membro da “segurança civil” – uma organização especializada na luta contra os Gastrea – é utilizado para realizar tarefas perigosas, com sua parceira Enju, uma jovem menina. Eles lutam utilizando seus poderes peculiares até que um dia recebem uma missão especial do governo. Esta missão secreta é dada para evitar a destruição de Tóquio.

 

Blade and Soul

blade and soul

Sinopse: Aruka é uma assassina do Clã da Espada. Ela está em uma jornada para encontrar a mulher Jin Valel, uma demônio que controla a energia do caos e que matou seu mestre. Em sua viagem, Aruka encontra diversos guerreiros cada um sendo mestre no seu próprio estilo e ela tem que lidar lida com o desejo de seu póstumo mestre, que é dela deixar a vida de assassino para trás.

Nível de Câncer: 99%

Bokura wa Minna Kawaisou

bokura

Sinopse: A história gira em torno de Usa Kazunari, um menino que vive sozinho devido à transferência de trabalho de seus pais. No entanto, o seu novo apartamento no complexo de Kawai-Sou é repleto de pervertidos. Para aliviar um pouco a situação, Ristsu Kawai, uma senpai a qual ele adora, também passa a morar lá.

Nível de Câncer: 50%

 

Dragon Ball Kai – Boo

db kai boo

 

Sinopse: O anime cobrirá toda a saga do Majin Boo. E se você não conhece Dragon Ball ao ponto de precisar da sinopse, por favor feche esse site e vá ver Naruto.

Captain Earth

captain_earth

Sinopse: A história começa quando o estudante do segundo ano Daichi Manatsu de repente vê um halo (arco-íris circular) nos céus à noite da ilha de Tanegashima na televisão, na véspera das férias de verão. Ele pensa: “Eu já vi esse arco-íris antes…” Assim, ele se dirige a Tanegashima, a sede da agência espacial japonesa, por conta própria. Com o mistério da morte acidental de seu pai e com suas memórias de meninos e meninas misteriosas que ele conheceu durante a infância, Daichi chega à ilha cheio de complexos emocionais e encontra o robô “Earth Engine”. Assim Daichi é questionado: “Você é o capitão?”. O alvo é a misteriosa forma de vida mecânica “Kirutogangu”, que invadirá a Terra a partir de Urano. Com essa premissa, Captain Earth promete entregar um anime de mecha mais tradicional e recheado de lutas e batalhas.

Fairy Tail

fairy tail

Sinopse:  Continuação do anime a partir do Arco dos Grandes Jogos Mágicos.

Nível de Câncer: Impossível Determinar

Gokukoku No Brynhildr

Gokukoku-no-Brynhildr-01

Sinopse: A história gira em torno do jovem Ryouta Murakami, um garoto que é atormentado pela morte de sua amiga que ocorreu há 10 anos atrás. Sentindo-se culpado pela morte de sua amiga, Murakami se esforça ao máximo na sua jornada para se tornar um pesquisador da NASA. Em um dia comum na escola, chega uma nova garota transferida que se parece muito com sua amiga de infância. Ela diz ser uma maga e tem uma força sobre-humana, mas na verdade, ela fugiu de um laboratório de pesquisas científicas.

Nível de Câncer: 85%

Haikyuu!!

haikyuu

Sinopse: Hinata Shouyou, após assistir uma partida de vôlei, almeja se tornar um “Pequeno Gigante”, e junta-se ao clube de vôlei na sua escola, no ensino fundamental. Depois de encontrar novos membros, eles entram no torneio do ginasial, onde eles encontram o “Rei da Quadra”, Kageyama Tobio. Apesar de terem perdido, Shoyou ainda está determinado a alcançar o topo e realizar sua vingança contra Kageyama. Ao entrar no colegial, ele recebe umagrande surpresa–ele e Kageyama estão na mesma escola e no mesmo clube!

 

Hitsugi no Chaika

hitsugi no chaika

Sinopse: Hitsugi no Chaika gira em torno de Toru Acura, um soldado aposentado de 20 anos de idade que tem seguido sua vida após o término de uma guerra. Ele encontra Chaika Trabant, uma feiticeira de 14 anos de idade, carregando um caixão e a segue na esperança de encontrar um significado para sua vida novamente.

Nível de Câncer: 100%

Is the Order a Rabbit?

is the order a rabit

Sinopse: No mangá 4-Koma, a personagem principal, Kokoa, entra no café Rabbit House, animada pelos coelhos. Ela acaba por descobrir que lá é o lugar onde irá morar e trabalhar. No café, ela conhece muitas garotas diferentes, incluindo uma pequena menina chamada Chino, uma durona soldado chamada Lize, uma excêntrica menina japonesa chamada Chiyo e a comum, porém digna, Sharo.

Nível de Câncer: 95%

Isshuukan Friends

ISshukan.mp4_snapshot_00.05_[2014.03.17_05.57.38]

Sinopse: A história do mangá gira em torno de Yuki, um garoto que quer se tornar amigo de sua colega de classe, Kaori. No entanto, ela rejeita sua amizade dizendo: “Mas…A minha memória sobre meus amigos desaparece após uma semana”. Mesmo assim, Yuki quer tornar-se seu amigo, e assim os dois se tornam amigos novamente conforme o passar das semanas.

 

Jojo’s Bizare Adventure: Stardust Crusaders

jojo

Sinopse: A terceira temporada gira em torno de Jotaro Kujo, um delinquente e herdeiro do legado JoJo, que sai de uma prisão japonesa para ir até o Egito, afim de salvar sua mãe e encontrar e derrotar o inimigo de sua família: o vampiro Dio Brando.

 

29 pensamentos sobre “EMD Cast #154: Season Review Spring (Outono no Brasil) 2014 [Parte 1]

  1. A animação de Baby Steps é sim baizoubenos, mas não concordo que seja lento, isso se chama desenvolvimento, um conceito muito primordial pra mim, algo que considero muito, prefiro e é melhor lembrar o nome do protagonista do que passar episódios só com jogos onde você não se identifica com nenhum personagem e pouco se importa além de jogos e mais jogos, ainda bem que BS ultrapassa isso.

    Haikyuu! é legal, com animação legal e personagens legais, espero que também tenha jogos legais.

    No Game More Life, me divirto bastante com esse anime, partes de descontração misturada com seriedade da história, tem um bom ritmo pro meu gosto.

  2. Inacreditável que vocês estejam perdendo Jojo, anime fucking awesome fiel ao mangá de um jeito muito bom, de longe o melhor da temporada huehuehue!

  3. Dois que vcs falaram to vendo esses

    Black Bullet – to achando o anime bem legal mas acho que ta um pouco corrido sem fala que na parte que rentaro luta com o cara de mascara achei essa luta no manga bem melhor mas o anime ta bom(um dos meus Top)

    Captain Earth – O anime ta bom so não gostei muito do personagem principal

    Gokukoku No Brynhildr – Eu adoro o manga como tb gosto muito do anime o anime ta ficando muito bom a animação não é das melhores mas to gostando do anime(um dos meus Top)

    Hitsugi no Chaika – to gostando do anime, bem aquele menina de cabelo branca é um pouco achata mas o anime ta bom gosto mais da arte do manga mas a do anime não ta muito ruim não sem falar que ele ganho 2 temporada para outubro de 2014(um dos meus Top)

    Isshuukan Friends – Esse anime ta achando muito bom to gostando como a historia ta indo (um dos meus Top)

    Bokura wa Minna Kawaisou – To achando legal

  4. Cadê Mushishi e Ping Pong the Animation? Esses dois sim estão sendo os melhores da temporada. Deixa o JoJo’s Bizarre Adventure e o todo o resto no chinelo.
    Estão criticando as viadagens presente nos animes de esporte, então recomendo que assistem Ping Pong. O autor da obra original é o mesmo que fez Tekkonkinkreet, que por sinal, é uma ótima obra também.
    Enfim, espero que vocês comentem sobre essas obras na próxima parte.

      • E nem há a necessidade meu caro. Mushishi é um anime episódico, então cada episódio irá tratar sobre uma história diferente. É possível assistir a segunda temporada sem ter assistido a primeira. É que nem JoJo’s que vocês citaram no podcast. É possível assistir a terceira parte sem ter assistido as duas primeiras.

        Na verdade, vocês não sabem o que estão perdendo. Se criticam tanto ecchi, fanservice e outras c*ralhadas que praticamente contaminam a indústria da animação japonesa, Mushishi acaba se tornando uma luz no meio disso tudo. Uma agulha no meio do palheiro. O mesmo vale para Ping Pong e sua animação que não contém moe, sendo a justificativa de não ter o reconhecimento merecido que deveria ter.

        Isso me lembra até um comentário que o Hayao Miyazaki havia feito de que a indústria da animação japonesa sofre, porque eles simplesmente estão cheio de otakus. Pessoas que apenas alimentam seus fetichismos de ver garotas querendo dar o c* para um protagonista perdedor, saias curtas, peitos grandes, personalidades moe, tsundere e uma c*ralhada a quatro. As pessoas acabam perdendo a essência e os valores de um ser humano, porque querem apenas satisfazer e agradar seus fetiches.

        Hideaki Anno também foi um outro cara que criticava muito a comportamento da sociedade japonesa. E isso ficou evidente no anime Neon Genesis Evangelion, sua criação e obra prima máxima. Uma crítica implícita sobre os otakus, embora ele não tenha admitido. Mas parece que a indústria da animação japonesa não soube aprender, pois é mais seguro continuar vendendo para esse nicho de público específico, pois sabem que o lucro é na certa. Eles não querem arriscar, pois podem se tornar uma nova Gonzo. Triste realidade.

        • Vc está engrandecendo demais Mushishi, não que não seja uma ótima obra, mas creio que ela fique mais restrita pelo seu estilo sereno e as vezes monótono. Jojo se destaca facilmente dentre os animes da temporada, um dos poucos que ainda vale a pena ver.

          Infelizmente, cada vez mais temos animações apelativas e apenas pra satisfazer um bando de otakus com fetiches estranhos, quando não destroem uma obra que tenha começado bem, com as mesmas baboseiras idiotas da maioria dos animes. Eu fiquei um tempo sem ver animes, acompanhando só HxH, e vendo agora a situação nem me arrependo, prefiro os mangás que costumam apelar menos, mas percebo que se não fizerem algo, esse mercado vai entrar em decadência, sinceramente.

        • sinceramente acho que vc ta vendo coisa onde não existe. o tipo de obra mushishi é otima, e pra falar a verdade não vi a menor graça no anime de ping pong,

        • Que porcaria de sistema de comentário do WordPress. Não consigo replicar os comentários feitos por outrem. De qualquer forma, vamos lá:

          Markimudkip: Engrandeço e enfatizo mesmo. Já tenho experiência com animação japonesa, convivo com esse tipo de entretenimento já faz mais de uma década então sei do que eu estou falando. Conheço todos os seus vícios, histórico, problemas e limitações. Não é um mercado fácil. E quando surge um Mushishi da vida, deveríamos dar graças e comemorar muito, pois não é sempre que teremos uma animação de ótima qualidade como essa. E de fato, como você mencionou, ela é restrita. Da mesma forma que o Ping Pong, são animações voltadas para um público específico, não para a massa popular. Para a massa popular, basta todos esses 95% de animações que são transmitidos por temporada. Cultura meu caro, cultura.

          endrews: O comentário é para mim? Se não for, então esqueça tudo o que eu irei comentar posteriormente, mas se a resposta for sim, então que o comentário sirva para você:
          Primeiro: Onde eu estou vendo coisas que não existe? Você se refere a minha crítica sobre os vícios e fetiches da indústria da animação japonesa? Se for, você pelo menos já deve estar ciente que o título do blog se chama “Ecchi Must Die”, o que pressupostamente me dá a ideia de que o blog tem como finalidade criticar os tais vícios já mencionado por mim referente aos animes. Ecchi, Fanservice, Episódio da Praia, Temática Escolar, enfim, os clichês da animação japonesa no geral. Então não consigo assimilar a sua ideia de que eu estou vendo coisas onde não existe.
          Segundo: Em nenhum momento eu falei mal de Mushishi. Onde você leu isso? Ou a minha interpretação está falha, o que duvido muito, ou peço então que você identifique no meu comentário a tal crítica que fiz com relação a Mushishi, pois eu não estou encontrando.
          Terceiro: Ping Pong como já havia mencionado, é uma obra específica para um público que entende de verdade o que é animação. Sua capacidade intelectual infelizmente é limitado, por isso você não achou a menor graça, que na verdade, de graça não tem de nada, e sim qualidade. Para você infelizmente os outros 95% de animações que passam por temporada já devem satisfazer o seu paladar, pode deixar que Ping Pong eu irei degustar com maior prazer.

  5. Acompanho um site q todo dia primeiro ou 30~31 ele faz um artigo que mostra os animes q estrearão no mês (desde as séries a OVA’s, filmes), falando a sinopse, nº de epis, e até trailers. Por causa disso, já sabia q não acompanharia muita coisa dessa temporada.
    Só não sabia que ia ser tão pouco assim.
    Certeza de que assistiria, tinha apenas JoJo, pq JoJo é JoJo. Apenas.
    Um amigo meu me falou de Haikyuu! Não me arrependo de ter ouvido sua palavras, gostei bastante do anime logo de cara (de fato, aquela cena dele correndo pro outro lado da quadra, é muito supimpa).
    Do resto (dos citados nesse podcast), apenas Captain Earth tinha me chamado um pouco de atenção, dei muita chance pra ele (vi até o epi 6), sei lá, talvez estivesse querendo ver um bom anime de mecha… passou longe disso. Tiveram alguns fatores que me fizeram dropar a obra. Putz, em 6 epis, o personagem principal pilotou o robô 3 vezes, se não me engano, e apenas no 6º,6º! Episódio vemos ele tendo algum tipo de treinamento pra pilotagem. Aquele personagem de óculos que é tipo um supervisor, odeio personagens FDP’s assim, não consigo, estraga a obra. 6 episódios e praticamente nada é explicado ao telespectador, o minimo do objetivo dos vilões só aparece no episodio 6… cansei.
    Basicamente é isso, no próximo podcast de season review acaberei falando apenas de animes dropados no epi 1 ou 2, pq só estou acompanhado de fato Haikyuu! e JoJo.

    • O Trilles nao é mais um membro do EMD desde 2013. Ele pensou em fazer um site separado mas ja desistiu do projeto. Atualmente ele se dedica bastante ao DOTA, você pode encontra-lo facilmente do steam.

  6. Dos animes desse post só acompanho Gokukoku no Brynhildr e Isshuukan Friends que, pelo que eu vi até agora, é um anime bom, mas não acho que vá ter nada de inovador…
    Acho Gokukoku no Brynhildr um anime bom. Apesar do clima de fanservice, o anime está desenvolvendo uma estória interessante, à la estilo Elfen Lied. Recomendo que deem uma segunda chance.
    Pretendo acompanhar Atelier Escha & Logy: Alchemists of the Dusk Sky (apesar do clima Slice of Life me desanimar um pouco), Black Bullet e Captain Earth (espero que a parte confusa citada no podcast seja esclarecida).
    Estou pensando em assistir Haikyuu!!. Tenho um sério problema com animes de esporte, mas esse parece valer a pena…
    No aguardo da 2º parte =D

  7. To acompanhando mushishi zoku shou, no game no life, mahouka e ishukan friends (assim que escreve???) comparada as ultimas temporadas pra mim essa de longe é a melhor. quase desisti de ver anime mas alguns animes dessa temporada estão me animando =D

  8. Alguém de vocês já leram Akame Ga Kill? Garanto que vai ser o anime mais hypado do ano (O mangá já está no 100 do MAL).
    É uma merda, não acreditem no rank do MAL, não acreditem nos fãs, FUJAM!!!

  9. Pingback: EMD Cast #155: Adaptação | Ecchi Must Die!

  10. Quanto a JoJo vcs falaram muita merda. A terceira temporada não é tão boa assim e a partir dela JoJo começa a decair (não estou dizendo que se torna uma merda, pelo contrario, ainda se sobressai em relação a muitos mangas de merda). A trama da terceira é muito forçada se comparado a segunda Battle Tendency em que as situações são criadas pelo Joseph querendo salvar o Speedwagon e encontrando o Santana, etc., as relações entre a procura alemã por poder sobrenatural e varias influencias retiradas da historia (e como os alemães não sabiam dos Stands ja que na terceira temporada existe uma espada-Stand que existe a mais de 500 anos?!! não só os alemães, o Cars o Wham e AC/DC como eles que existiam antes da humanidade nâo saberem disso? COMO?!!! E isso não é spoiler é obvio desde o inicio que eles são muito velhos) e o Hamon!! Com o Hamon era muito mais interessante!! Desde o inicio no Phantom Blood a autor explica como o Hamon faz aquelas coisas, era um manga que se baseava em explicações logicas e fatos historicos, e pra um manga que tinha tudo isso, do nada na terceira temporada aparecem os Stands nâo há explicação para eles e ainda como eu ja disse não é explicado por que eles não apareceram antes pelo menos em uma referencia!!!! E a situação: Oh! Nooo! Temos que salvar a minha filha/minha mãe/a filha (mãe) do meu amigo.Ponto viajando: Ah vcs me ajudaram posso ir com vcs para vingar a morte da minha irmã? Oh sim vamos. E depois disso é a mesma coisa um usuario de Stand atras do outro tentando mata-los pelo Dio-sama. E um cachorro, só que ele é um merda. E se alguem assiste essa temporada sem pelo menos ter visto a primeira não vai saber quem e o que é o Dio!! Ele é do mau pra carolho!!! Ele bota a mulher pra comer o proprio bebÊ mas na terceira vc não sabe disso. E os Stands dnovo? É que nem vcs criticam o tempo todo sobre Fairy Tail ou Bleach: é jogado. Uma manifestação do espírito? Isso não explica nada, até a ultima JoJo desse universo não se tem uma ideia clara do que são os Stands. Mais como eu disse antes JoJo é bom de mais, só que vcs botaram bola na temporada errada, se for pra ver JoJo tem que ver tudo pelo menos 3 episodios do Phantom Blood e vc não vai conseguir parar de ver (viu Gutinho). JoJo é bom de mais, da era de ouro dos mangas e animes junto com Hajime no Ippo, GTO, One Piece, tanto é que dos 4 os que continuam até hoje e esão quase atingindo 1000 capitulos (tirando Hajime no Ippo que ja alcançou) são JoJo e One Piece.

  11. Pingback: EMD Cast #167: Season Review Fall (Primavera no Brasil) 2014 | Ecchi Must Die!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s