Comentando: Hunter x Hunter – Episódio 132

Passando aqui para deixar um comentário do episódio de Hunter x Hunter, irei comentar de como o plot que agora está mais acelerado irá girar em torno das memórias do rei.

132

Comentários do Shaturanga:

 

Passado o episódio anterior épico, tivemos uma modulação no feeling intenso da obra, agora a sensação de tensão está mais moderado que antes, pois não tem como o diretor e o autor manter um clima extremamente tenso para sempre. Como voltamos a ter o rei Meruem no foco das atenções, tudo está centrado na recuperação de suas memórias perdidas.

Estamos na reta final do arco e aqui o rei está mais forte que a sua forma anterior. Ele ganhou habilidades novas como o de voar do Youpi e o En do Pufu. O En dele é mais forte do que o da Pitou e a própria Pitou surge como um elemento importante aqui mesmo depois de morta, quando os dois guardas reais comentam dela para o rei, ele começa a se lembrar dela e também do fato de que confiou algo importante com ela.

H X H 132 (1) H X H 132 (2) H X H 132 (3) H X H 132 (4) H X H 132 (5) H X H 132 (6) H X H 132 (7) H X H 132 (8) H X H 132 (9)

Quem não leu o mangá e vê esse aumento de força do Meruem com o arco acabando acaba perguntando como esse cara acaba sendo derrotado. É verdade que ele está completamente overpower aqui (só o Gon crescido se compara a ele e apenas na força bruta) mas nos próximos episódios isso será mostrado.

Esse final de arco comprova que o Togashi não direciona o plot para lugares desnecessários e faz um bom planejamento de todos os mínimos detalhes do enredo (talvez esse seja o motivo de seus hiatos frequentes). Indo direto para o episódio, o rei já está de volta no palácio e o Pufu fica desesperado com a possibilidade dele se lembrar da Komugi. Ele tem o Youpi ao seu lado mas ele se preocupa com a Pitou que não tinha chegado ao palácio e não sabia do que estava acontecendo no palácio (e nem iria saber, já sabemos como ela está). Ao mesmo tempo, a Palm usa seu Wink Blue e ela vê o Killua carregando o Gon pelas costas no seu tamanho normal mas com o cabelo esticado.

Como o Meruem é um ser curioso por natureza e ávido por desafios, ele percebe que seus guardas reais estão escondendo algo dele. Ele usa o seu En que era bem mais potente que da Pitou e acha os quatro, capturando Knuckle e Meleoron. Antes disso acontecer, estes ficam desesperados com o poder do rei e tentam dar no pé, o Knuckle fala que eles tinham que avisar a Associação Hunter da derrota do Netero e deixar o Killua e os outros para lá, pois presumem que eles fariam o mesmo ao presenciar aquele poder assombroso.

H X H 132 (10) H X H 132 (11) H X H 132 (12) H X H 132 (13) H X H 132 (14) H X H 132 (15) H X H 132 (16) H X H 132 (17) H X H 132 (18)

Para ver, se o Meruem capturasse o Ikalgo e a Palm, teoricamente não teria nenhum empecilho para ele seguir com o seu plano para fazer a seleção e conseguir um exército para conquistar o mundo, mas se ele fizesse isso ele iria encontrar a Komugi e adeus plano de conquistar o mundo (até aqui em H x H o cara mais poderoso do planeta tem a sua cabeça virada por uma mulher). Era justamente isso que o Pufu temia. Para evitar isso o Pufu propõe um jogo para entreter o rei para achar os dois intrusos restantes. O Meruem só deveria usar o seu En uma única vez para ser mais justo com eles e quem achasse os intrusos primeiro teria um desejo concedido pelo derrotado. Se o rei ganhasse ele teria o direito de saber o que os dois estavam escondendo e se não, o rei deixaria isso quieto.

Assim, a Palm fica dentro de um dilema, fugir para fora do palácio, onde ela seria facilmente capturada ou fugir para o subterrâneo, aonde ela poderia se esconder entre os labirintos do palácio mas ao mesmo tempo ela iria se encurralar. Ikalgo pensa da mesma forma e os dois fogem para o subterrâneo para o bunker das mulheres do Bizef com a Komugi nas costas (isso era um trunfo pois era o que era mais precioso para o rei) e com a possibilidade de buscar a ajuda do Welfin.

Até aqui e mais a frente a narrativa se concentrará no Ikalgo e principalmente na Palm, tanto é que o dilema psicológico dela foi bem retratado neste episódio. Eu vou deixar para comentar mais disso no próximo episódio para evitar spoilers, mas a forma que o Togashi dispensa os protagonistas e foca o desenvolvimento em personagens secundários por capítulos a fio é algo de se elogiar sempre. Falando mais do rei, por mais que o Pufu tente impedir isso, as próprias palavras “Pitou” e principalmente “jogo” servem de mementos para o rei começar a perseguir na mente as memórias que ele tem da Komugi. A forma que isso é demonstrado no final do episódio foi muito boa com ele no fundo azul da animação tentando se lembrar dela.

H X H 132 (19) H X H 132 (20) H X H 132 (21) H X H 132 (22) H X H 132 (23) H X H 132 (24)

Para terminar, esse episódio foi mais corrido (razão de post ter ficado mais curto) para fazer a transição para o episódio seguinte e direcionar os pontos do plot para sua conclusão final. Ver o que irá acontecer com o rei no final do arco e como a Komugi mais o Welfin, o Ikalgo e a Palm terão importância nisso é algo que me deixa na expectativa para acompanhar os próximos episódios, que prometem ser sensacionais pelo que eu li no mangá. O que vocês acharam do post e do episódio?

OBS: Saiu uma review de Solanin no meu site e em poucos dias sairá mais uma review de uma obra com uma arte e enredo espetacular. Quem quiser conferir acesse aqui.

6 pensamentos sobre “Comentando: Hunter x Hunter – Episódio 132

  1. Realmente impressiona o desenvolvimento dos personagens secundários pelo Togashi, mas o que me deixa pasmo é como não consigo lembrar um personagem sequer no mangá que seja burro! Todos tem no mínimo uma certa astúcia. Sobre força do Rei até vejo o Hokuto no Gon causando mais dano nele (de antes da explosão) do que o Netero causou, até por ser um usuário de Reforço e o Rei só luta na base da porrada mesmo então até dava liga, mas o Formigão nem chegou a usar tudo que tinha que o velho.

    • Todos os personagens burros em Hunter x Hunter morrem em poucos capítulos, rsrs.
      Falando do Gon em comparação ao Meruem, eu falei que ele se compara ao rei somente em força bruta (ele causaria um dano bem maior no rei que o Netero, com certeza, mesmo não vencendo), porque comparando táticas e estratégias de luta o rei se sai bem melhor. E além do fato que o que o Gon fez foi ainda mais específico que o Kurapika em termos de condições restritivas de Nen, não tinha como ele usar aquilo contra outro oponente que não fosse a Pitou. Sobre a hipótese do Gon na forma crescida aparecer e vencer o rei, que vi em alguns comentários por aí em grupos de animes do Facebook, se fosse em mangás como Naruto e Fairy Tail poderia até acontecer, mas aqui é Hunter x Hunter.
      Agora falando do desenvolvimento dos personagens, até nos capítulos lançados recentemente do mangá do novo arco o Togashi mostra isso, é só ler o mangá para conferir.

      • A vero nunca nem passou pela minha cabeça o Gon lutar com o Meruem quando li o mangá, nada levava a isso e como você mesmo ressaltou com HxH o buraco é mais embaixo, só comentei mesmo porque recentemente muitas pessoas levantaram essa bola e seu comentário da força do Gon deu a deixa pra dar um pitaco. Mas discordo disso do Rei ser melhor em táticas, só se garante na aura mesmo, como lutador tá muito verde ainda.

        • Se pensarmos que em sua primeira batalha ele conseguiu sobrepujar o Neteru calculando seu padrão de movimentos em uma velocidade desumana enquanto recebia os golpes e se preocupava em não matar o adversário, sua capacidade é inquestionável.

          Se isso não é um bom uso de táticas, eu não sei o que é.

  2. Se o Gon ainda derrotasse o Rei iria ser forçado demais, e em HxH tudo tem uma explicação, nada foi por acaso até agora, por isso virei fã do anime, e estou ansioso pelo que está por vir.

  3. Desde Yuyu hakusho eu percebo uma má vontade do Togashi em manter seus trabalhos, não só por preguiça, mas também pela cobrança em entregar tudo rapidamente. Deve ser um saco aguentar toda essa pressão, e convenhamos, ele nem precisa mais disso. Tá bem de vida.
    Apenas quem já teve de se preocupar com um roteiro coerente vai saber a dificuldade que é escrever uma história mais grandiosa, Eu vejo ele como alguém, mais preocupado com uma boa história, do que com um caça-níquel de sucessos.
    É bem verdade que há quem consiga manter um bom desenvolvimento mesmo pensando no lucro e sucesso que obtêm com seus trabalhos, pena que sejam poucos.
    Aposto firmemente que a shonen jump deve estar atuando juntamente ao Togashi, para que HxH não acabe bruscamente como Yuyu Hakusho. Sempre tive esta impressão dele, alguém difícil de lidar. Acho que é por isso, que HxH tem um tratamento diferenciado ali dentro. Ouso dizer que Yuyu Hakusho poderia ter se tornado o carro chefe na época, se o Togashi assim o quisesse, o mesmo vale hoje com HxH.

    Ps: Um dos maiores motivos de gostar de HxH é a personalidade quase real dos personagens, a narrativa bem distribuída e construída com seriedade e coerência e independente de protagonismos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s